Qual a relação do intestino com o cérebro?

A disbiose intestinal é caracterizada como um desequilíbrio da flora bacteriana do intestino, que diminui a capacidade de absorção dos nutrientes, causando carência de vitaminas.

É provocada pela redução do número de bactérias boas do intestino, elevando as bactérias capazes de ocasionar doenças. Habitualmente, causa sintomas como náuseas, gases, diarreia ou prisão de ventre.

É fundamental manter o intestino saudável e funcionando corretamente, até por que o órgão tem conexão com o cérebro, além de conter neurônios e alojar bactérias cruciais ao organismo.

As bactérias do intestino fabricam várias moléculas que integram a comunicação entre o sistema nervoso do órgão com o cérebro. Grande parte dos micro-organismos que habitam o aparelho digestivo são amigos, no entanto, as bactérias maléficas também estão presentes, e podem se multiplicar caso estejam em maior número.

Por isso, é muito importante evitar a disbiose intestinal, mantendo as bactérias benéficas em maior quantidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *